Museu da Ci�ncia - Universidade de Coimbra

Casa do Trovão

Este modelo de um para-raios permite exemplificar os efeitos da queda de um raio sobre um armazém de pólvora. A experiência consistia em encher o frasco com um gás explosivo (ar e hidrogénio), o qual iria receber uma descarga elétrica desde a ponta metálica colocada no telhado da torre. Esta descarga detonaria a rolha que, por sua vez, derrubava as paredes e o telhado da casa.
O para-raios, inventado por Benjamim Franklin em 1752, consiste numa vara metálica pontiaguda conectada à terra, evitando desta forma danos para os edifícios. Neste modelo, a ligação da vara da torre não era feita à terra mas, para efeitos demonstrativos, à casa representando o armazém de pólvora.

 

Casa do trovão
Anterior a 1824
Autor desconhecido
FIS.0252

Casa do trovão

Anterior a 1824

Autor desconhecido

FIS.0252

 

Mais informações

Local: Átrio do Laboratório Chimico (atualmente apenas uma exposição virtual)

Horário: 10H00 - 18H00

Entrada livre

 

Apoio:

Eventos relacionados


Objeto do mês
1 de Março a 31 de Dezembro, 2020

Borla do Dr. Arthur Exell
1 a 31 de Março, 2020

Uma Raposa Académica
1 a 31 de Maio, 2020

Tucano-de-bico-preto
1 a 30 de Junho, 2020

Bilobites da Livraria do Mondego
1 a 31 de Julho, 2020

O monge meteorologista
1 a 31 de Agosto, 2020

Os carismáticos coalas
1 a 30 de Setembro, 2020

Máscara frenológica de Maximilien Sébastien Foy
1 a 31 de Outubro, 2020